O COI (Comitê Olímpico Internacional) informou que, para os Jogos Olímpicos de Tóquio (de 23 de julho a 8 de agosto), os atletas terão que fazer 14 dias de quarentena no Japão antes do início das competições por causa da pandemia Covid-19. Com as novas regras de isolamento, será inviável a participação de muitos ciclistas no Tour de France e no Giro Rosa, o que irá atrapalhar a preparação no plano olímpico.

Na última semana o pais oriental proibiu a entrada de estrangeiros não residentes no pais e, atualmente, o Japão tem uma taxa de mais de 3 mil infectados por dia – os números mais altos registrados desde maio deste ano.

“Duas semanas atrás recebemos a última versão de seus requisitos dos organizadores em Tóquio e quarentena de 14 dias depois de chegar ao Japão foi mantida”, afirmou Johan Bellemans, médico-chefe do Comitê Olímpico da Bélgica. “Logisticamente, este período de quarentena não será fácil para os atletas em termos de treinamento e também se sobreporá a outros eventos, como o Tour de France, Wimbledon e NBA. Se dependesse do COI, o período de quarentena seria muito mais curto. São as autoridades japonesas que estão mantendo a quarentena de duas semanas”, explicou.