Praticar triathlon é algo relativamente novo, pois a modalidade surgiu somente em em 1974, na cidade de San Diego, nos Estados Unidos. Inicialmente, era apenas uma atividade para que os atletas mantivessem a forma durante as férias. No entanto, a prática cresceu muito e chegou ao Brasil em 1981.

Ou seja, há cerca de 30 anos, o triathlon não exista em nosso país. Mas, atualmente ela tem ganhado muitos adeptos. Pois, sua prática ajuda na perda de peso, combatendo a obesidade, e melhora consideravelmente nossa capacidade do sistema respiratório. Além de melhorar a autoestima dos praticantes, também previne a osteoporose e de doenças como a diabetes e hipertensão.

E, se você quer ser mais um a praticar triathlon, saiba que é possível. Basta se atentar à estas sete recomendações!

Natação é o mais difícil

A dica é começar com mais treinos curtos, que durem cerca de meia hora, e não se preocupar com a velocidade. Descontraia um pouco e concentre-se em “agarrar e empurrar” a água com o cotovelo no ângulo de 90º. Não deslize a mão através da água. Imagine que precise rastejar dentro de um tubo. É isso o que tem de fazer, mas na piscina. Alongue o braço para frente sem torcer o corpo para o lado, e empurre para trás.

Respire a cada braçada

Na piscina, alterne os lados para respirar. Por exemplo: na ida, respire, de acordo com as braçadas, pelo lado direito. Na volta, pelo esquerdo.

Aprenda a nadar no mar ou em lagos com roupas de neoprene

A roupa ajuda na flutuação, mas, ao dar as braçadas, será necessário um pouco mais de força, pois o tecido pode limitar um pouco a mobilidade dos ombros. Às vezes, dê uma olhada para frente, para corrigir a direção, se for necessário.

Invista no fortalecimento muscular

Faça flexões, abdominais, entre outros, em casa, ou na academia. Fortalecer a musculatura é essencial.

Evite sessões muito duras com a bicicleta

Mantenha uma cadência em torno de 90-100 RPM. O cansaço será menor.

Combine bicicleta e corrida

Inclua no seu plano de exercícios transições reais entre as duas modalidades. Faça 1 km com a bike num ritmo acelerado, para ajudar a soltar mais as pernas e para eliminar o ácido láctico acumulado.

Fonte: msn.com